Páginas

sexta-feira, 18 de fevereiro de 2011

Custe o que custar. Faça!

Vamos a Juízes para relembrarmos a Débora, a juíza.
(Só para usar como "detalhe", a Bíblia sagrada foi escrita em uma época onde as mulheres não tinha outra importância que não fosse ser mãe e dona-de-casa. Contrariando todos os preconceitos daquele tempo, a Bíblia deu destaque a muitas mulheres daquela época.) - Juízes do 4 ao 5

Não vou tratar hoje das mulheres em si, mas sim da fragilidade do ser humano. Homens e mulheres que Deus quer usar de uma maneira especial.
Debaixo de uma palmeira, Débora ficava sentada resolvendo os problemas de todo uma nação, ela tinha aquele instinto de liderar e de profetisar, uma comandante nata que de Deus recebeu o poder de aconselhar e tomar decisões simples ou bem sérias.
Ela poderia ter tomado o fato de ser mulher como desculpa para dizer ao Senhor que aquilo de entrar em guerras e confrontos era demais pra ela, que era um dona-de-casa como todas as outras. Mas não, Débora usou da ousadia que Deus havia dado a ela e com simples orações fez com que o exército todo de Sísera morresse a fio de espada um por um até que nenhum sobrasse. Esteve frente a essa batalha como guerreira, sem medo, sem desculpas, ela agradou ao Senhor com sua coragem.
É muito fácil dizer a Deus: Ah, Senhor... mas eu sou muito falho! Não tenho como adquirir cargos na igreja. Não sei se posso dizer o que o Senhor colocou no meu coração àquela pessoa. Não tenho tempo, Deus. Não devo, Deus. O Senhor pode levantar outro, mas eu não.. estou cansado. Tenho tanta coisa pra estudar, tanto trabalho pra entregar. Nem tempo de ir aos cultos eu ando tendo.
Ai você lava as suas mãos e deixa a obra pra lá.
Que bonito, né? Pensa que Deus escolheu qualquer outro lá da tua igreja e entregou seus talentos pra ele?
NÃO! ELE QUER VOCÊ!
Sem medos e covardias, aprimorando sempre teu instinto de liderança. Sendo coerente, habilitado pelo Espírito Santo, não sendo invasivo, sendo sábio, fazendo de si mesmo porta voz do Senhor. Deus quer te usar não porque você é bom, sim porque você precisa ser usado. Você entende isso?
Certamente Débora tinha filhos, um lar pra cuidar, seu esposo Lapidote que precisava dela. Mas para Débora as ordens do Senhor, as professias que Ele lhe dava eram muito mais importantes. Débora compreendia que poderia entrar em qualquer batalha que o Senhor a protegeria e honraria.
Tá lendo esse blog agora e lembrando de alguma coisa que Deus lhe mandou fazer?
Pode fechar essa janela e correr atrás dos propósitos de Deus pra sua vida, custe o que custar. Faça!

3 comentários:

Larissa Boita disse...

É isso mesmo Ana... Uma vez um bom amigo me disse que viver sem tempo pra Deus é viver perdendo tempo...
Cada dia escrevendo melhor querida, Deus te abençoe :)

Altemar Rocha disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Altemar Rocha disse...
Este comentário foi removido pelo autor.